Aumentando partições de Maquinas Virtuais Linux com GParted

Aumentando partições de Maquinas Virtuais Linux com GParted

Neste post, irei descrever o procedimento para aumentar o espaço de disco de uma máquina virtual que utiliza uma partição nativa do Linux, ao invez de LVM (Logical Volume Manager).
O primeiro passo, será aumentar o espaço a nível de hardware, no próprio gerenciador da maquina virtual, logo após esse passo, será necessário iniciar o GParted via Live CD, e fazer toda as mudanças necessárias para você utilizar o sistema operacional e o novo espaço que está precisando.

Observações Importantes:
1 –  No Vmware, para poder aumentar um disco virtual, é necessário apagar todas as snapshots existentes na maquina virtual. Caso a maquina esteja com uma snapshot criada, a opção para aumentar o HD ficará desabilitada.
2 – Durante a utilização do GParted, a ISO é montada na unidade de virtual de CD/DVD, o GParted é um sistema que roda via LIVE, ele não é instalado, logo seu sistema operacional não será utilizado com isso haverá um período de downtime do seu servidor ou estação.

Sugiro que todo esse processo seja feito primeiramente em um ambiente de teste, antes de efetuar em uma maquina de produção. No caso de um servidor em produção, vale a pena efetuar um clone da maquina e realizar o processo em um ambiente de teste. Vale a pena também, efetuar o backup da maquina virtual antes de realizar esse processo. Porque poderá haver dano no sistema operacional. Todo o processo deve ser feito com muito cuidado e por sua conta em risco.

Pré-requisitos: GParted Live.

Neste exemplo, estou utilizando uma maquina virtual rodando Ubuntu, que está com um HD de 20 gb e estarei aumentando em 10 gb, totalizando no final 30 gb.

Podemos Notar abaixo que a maquina virtual possui 20gb utilizados.

1

Podemos notar acima, que a partição /dev/sda1, partição onde o sistema Linux está instalada, possui um ID 83, este ID representa que esta partição é uma partição nativa Linux, enquanto uma que possui o ID 8e, representa uma partição LVM Linux. Importante notar que neste procedimento estarei mostrando o processo para aumentar partições com ID 83.

A partição que será expandida será /dev/sda1.

Como informado logo acima, o primeiro passo será expandir o disco alocado na maquina virtual, para este processo será necessário acessar o servidor ESXI ou a própria aplicação que está virtualizando a maquina e expandir o disco. Neste exemplo estou utilizando uma maquina em um servidor ESXI, logo precisei ter a aplicação Vmware vShere. Na imagem abaixo, eu mudei o disco rígido de 20GB previamente definido para 30GB, esta maquina está funcionando normalmente. Uma vez completo, clique OK, isso é tudo o que precisa ser feito na VMware para este processo

2

Se o campo de modificação do tamanho do disco esteja desabilitado para alteração, pode haver alguma snapshot criada, estes terão de ser removidas antes de fazer as mudanças para o disco. É preciso desligar a maquina para que esse processo seja feito.

Configure a maquina virtual para dar boot pelo GParted.
Neste momento será necessário configurar o host no vsheper para inicializar pelo CD. Clique com o botão direito na máquina virtual em vSphere e selecione “Editar configurações” para abrir as propriedades. Selecione o CD / DVD Drive e, em seguida, selecione o seu GParted ISO, neste caso eu já tinha inserido a ISO no armazenamento do ESXI, lembre-se de marcar a opção de Conectar ao ligar (Connect at power on).

3

Você poderá ajustar o tempo entre a tela da BIOS e de selecionar qual disco quer dar boot. Para isto deve alterar o delay do boot em “Boot Options”, no meu exemplo está definido para 5seg e também está selecionado para iniciar na tela da bios para que possa ser configurado para inicializar a partir do CD na próxima inicialização.

4

Neste momento devemos ligar a maquina, caso esteja ligada, é necessário desliga-la para iniciar pelo Gparted. Eu estou usando a versão mais recente atual do CD Live, versão gparted-live-0.20.0-2-i486.
Uma vez que a maquina esteja ligada e ter iniciado a partir do cd, será apresentado a tela abaixo, apenas der enter na opção que está marcado por default, GParted Live.

5

Depois de ter acabado de carregar alguns arquivos necessários para a utilização da aplicação, chegará a tela abaixo, nela é possível configurar qual teclado você irá utilizar, não foi preciso alterar nada e apenas aceitei os padrões pressionando enter.

6

Na próxima tela, é possível selecionar qual a linguagem que será utilizada, nesta tela selecionei English e pressionei enter.

7

Na próxima tela, será preciso iniciar o modo gráfico, digite startx e der enter.

8

Após a conclusão, será apresentado o GUI do GParted, caso ele não esteja aberto, você pode seleciona-lo a partir do ícone Desktop.

9

Podermos perceber nesta imagem, o HD que será feito o processo, o /dav/sda1, mostrando os 20GB, e o novo espaço de 10 GBs que iremos incluir. O espaço entre os dois é o espaço swap e inicialização de S.O. O tamanho total do disco / dev / sda de 30GB também é mostrada.
Veja nesse que neste ponto a unidade de swap está no caminho das duas unidades que iremos “juntar”.
Se você não tem de swap entre a partição a ser ampliado e o espaço não alocado, então você vai ser capaz de saltar para baixo a poucos passos até chegar à imagem onde / dev / sda1 e no espaço não alocado estão ao lado do outro.
Primeiro, selecione / dev / sda2 que é a partição estendida contendo o swap, queremos ampliar isso para incluir a 10GB de espaço não alocado.
Selecione / dev / sda2 e clique em “Resize / Move” e você será presenteado com o seguinte.

10

Será preciso somente arrastar a seta preta de /dav/sda2 até o fim do espaço não alocado. Após todo o processo clique em Resize/Move.

11

Depois disso, você pode ser visto a unidade /dev/sda2, nesta janela representado pela caixa azul, espalhados por o espaço não alocado.

12

Todas as mudanças efetuadas ate este momento não foram ainda aplicadas, você deverá aplicar as alterações para que o processo seja concluído. Com isso, podemos fazer todas as alterações que precisamos e so depois aplicar-las no disco. Caso queira desfazer alguma alteração, basta clicar no botão Undo, lembrando que isso somente funciona antes da aplicações serem aplicadas.

Desta vez, queremos selecionar / dev / sda5 que é a partição swap e selecione Resize / Move, isso resultará no seguinte.

13

Mova a partição swap de todo o caminho até o fim do espaço / dev / sda2 que ele está, isso é feito por apenas arrastando a caixa para o fim que se parecerá com isso.

14

Clique em Resize/Move e, em seguida, um aviso pode aparecer informando que caso a mudança seja realizada, poderá acontecer falhas no seu sistema operacional. Ele também adverte que poderá levar um tempo para termino para realizar esta alteração, leia o aviso em seguida, clique em OK para continuar.
Na GUI agora deve ser algo parecido com a imagem abaixo, onde / dev / sda1 está localizado ao lado de / dev / sda2 que contém o espaço não alocado.

15

Selecione a partição /dev/sda2 estendida e clique em Resize/Move.

16

Arraste para a direita, de modo que apenas o espaço de troca está contida e o espaço não alocado cinza é liberado, clique em Resize / Move para aplicar.

17

Após o processo ser completado, podemos ver algo parecido com este.

18

Podemos notar que /dev/sda1 está ao lado do espaço não alocado, desta forma estamos pronto para expandir esta partição, clique no botão / Move Resize.

19

Você será capaz de executar esta ação imediatamente se você não tem partição swap entre / dev/sda1 e no espaço novo não alocado, as etapas anteriores foram para obter troca fora do caminho no GParted.
Arraste a setas laterais de forma que iremos utilizar todo o tamanho em /dev1/sda1, conforme mostrado na imagem abaixo.Depois clique em Resize / Move.

20

Após este procedimento, a partição /dev/sda1 estará agora contendo o espaço não alocado que antes existia. Depois de conferir se está tudo correto, devemos aplicar a alteração clicando no botão Apply. Na próxima tela será precisa confirmar as alterações e será informado que poderá ocorrer perda de dados.
Este processo é um pouco demorado. Não se assuste. O tempo irá variar deacordo com o tamanho do seu disco e da alteração que estará realizando, a demora é devido a verificação do sistema de arquivo (fsck) que é executado antes da expansão. Neste exemplo, em ambiente de teste e virtualizado, demorou cerca de 5 minutos, a partição foi aumentada cerca de 10gb.
Após a conclusão, podemos ver a janela parecida com a imagem abaixo, nela podemos verificar os passos realizados e se a operação foi concluída com sucesso. Feito isto clique em Close.

21

Chegamos ao ponto final de todo o processo, agora basta remover a mídia do GParted do leitor e reiniciar a estação.
Feito isso, podemos verificar com o comando “df –h” o novo espaço em disco. No nosso lab, podemos verificar que /dev/sda1 é agora de 30 GB.

20

Através deste método, é possível aumentar o disco virtual utilizando o GParted em ambientes virtualizados como VMware, Hyper-v entre outros. Lembrando que este processo deverá ser feito primeiro em ambientes de teste. Toda e qualquer alteração feita em ambientes de produção deve ser feita fora do horário de utilização do serviço e com todos os backups realizados.